BH DICAS

7 dias em Buenos Aires | Parte 3 – Palermo Soho

  • Avatar
  • por em 1 de abril de 2018

Foto: BH Dicas

Ei pessoal!!!

Belo Horizonte é maravilhosa, mas sair para passear também é bom demais, né? Se você está indo para Buenos Aires, veja se os posts te ajudam.

Fui passar o ano novo 2017/2018 em BA e adorei. Estava muito quente mas a viagem foi ótima. Dividi tudo que fiz nos posts anteriores: Parte 1 e parte 2. E essa é a última e aqui abordo sobre meu bairro preferido: Palermo Soho.

Nos dois últimos dias em Buenos Aires, partimos para ficar nas redondezas do nosso hotel, que ficava em Palermo Soho. Ficamos por lá o restante do dia e também boa parte do dia seguinte.

Palermo, de uma maneira geral é muito legal, mas é enorme! Como se fosse a Pampulha, mais uma região do que um bairro. Palermo Soho é uma microrregião do bairro, para que você entenda melhor achei que vale a pena ler esta explicação no link que peguei no Wikipédia antes de ir, não sei ao certo se tem alguma ligação com o Soho de NYC, mas é lá que estão as lojas de design, moda, casa que eu mais gostei! E se a Recoleta talvez seja o Upper East Side de Buenos Aires, Palermo é o SoHo e tem bem mais haver com o que eu gosto! Sugiro começar o passeio a partir da Plaza Serrano. Lá durante o dia tem uma feirinha de artesanato bem pega turista, sem nada muito legal, mas é um ponto de partida bem central pela região. Veja alguns lugares imperdíveis!

CAFÉS:

Cocu Boulangerie  – Uma típica Boulangerie Francesa, ótima para cafés da manhã. Fica na Calle Malabia 1510, Preço: $$-$$$. É aconchegante e bem bonitinha!

Foto: BH Dicas

Se não conhecer de outras viagens, tem também a Le Pain Quotidien, o café da manhã de lá nunca tem erro, mas se for tomar café apenas um dia em Palermo e já conhecer a Le Pain, melhor conhecer lugares novos não é mesmo?!  Fica na Calle Armenia 1641.

Nos indicaram e não fomos: Libros del Pasege, é lindo mas não sei avaliar a comida. Posso dizer que a pontuação no Trip é muito boa, se tiver mais tempo acho que deve valer a pena também! 

DOCE DE LEITE

Foto: BH Dicas

Com certeza os melhores doces de leite Argentinos estão na Dulce De Leche & Co –  Calle José Antonio Cabrera 5061, muitas opções, você pode degustar muiiiiitos e escolher o que mais te agrada para comprar, o atendimento é excelente! Raridade por lá! Rs. 

Foto: BH Dicas

O Doce de Leite que achei mais saboroso foi o La Península, que é produzido na região de Bariloche, se você gostar de um doce de leite bem fininho, com certeza irá agradar o seu paladar. Comprei um licor de Doce de Leite Maravilhoso lá também, da marca La Scala, produzido na Patagônia, vale muito à pena! Recomendo comprar por lá também os Alfajores da marca: Entre Dos, que para mim de longe foi o melhor que comi, aproveite para experimentar os artesanais que são vendidos lá também! Os preços são bons e para presentear as embalagens são lindinhas! – Preço -$$ -$$$. A Dulce de Leche & Co. foi indicação de uma blogueira de lá, e como sempre digo, as indicações de locais são sempre as melhores! 

PARA UMA CERVEJINHA, VINHO OU UMA PEQUENA PAUSA:

Pain Et Vin Buenos Aires – Calle Gorriti 5132,

Jêrome – Calle Malabia 1401

Antares – Calle Armenia 1447

Sulivans Irish Pub – Calle El Salvador 4919

Quer ficar vendo o movimento da rua?: Marks Deli & Coffe House, foi lá que os meninos ficaram esperando enquanto eu e a Aline – minha amiga, entrávamos em muitas lojinhas!

SORVETES:

Lá também tem a Lucciano’s que fali acima, Freddo, mas se já tiver tomado sorvete nessas duas a minha sugestão é a Antiche, que além de deliciosa tem uma decoração linda!

Foto: BH Dicas

ALMOÇO:

Tentamos uma mesa no La Cabrera – Calle José Antonio Cabrera 5099, que nos foi muito bem recomendado, mas estava com uma fila de espera imensa, sugiro reservar – Preço $$$.

Foto: BH Dicas

Como a fome já estava no grau máster partimos para  o El Calden -f omos almoçar. É fechado e com decoração normal. O prato dá para duas pessoas dependendo da fome. Todas as carnes pesam 400 g. Atendimento muito bom, espumante  de cortesia. Ele é até mais bem colocado no Trip Advisor que o Don Julio, mas preferimos a carne do Don Julio assim como o ambiente. Calle Honduras 4701 – Preço $$$

No entorno da Plaza serrano tem muitos e muitos bares, pubs, restaurantes. Com preços mais baixos, mas com comidas mais básicas também. Mas é gostoso de assentar, tomar alguma coisa, eu fui a uma pizzaria chamada Madagascar, na verdade um bar que tem pizza e outras opções, não foi nada surpreendente a comida, mas estava gostoso. Preço -$$

LOJINHAS:

Um monte, e para todos os estilos, bolsos etc. Aqui as que para mim mereceram destaque:

Moda:

Tienda Chulita – Calle Jose Antônio Cabrera 5405. Muitas roupas bonitas, descoladas e os meninos amaram! Fica quase do lado da Dulce de Leche & Co.

Foto: BH Dicas

SwimDays – Saídas de Praia e Batas Maravilhosas! Vá disposta a gastar  – Calle El Salvador 4672.

Foto: BH Dicas

Casa e Coisinhas Fofas:

Foto: BH Dicas

Wanama Home – Muito linda, tem moda feminina lá também, além de coisas lindas para casa. Calle El Salvador 4661.

Foto: BH Dicas

Cachita Decó –  Coisas fofas, e um cheirinho de chiclete delicioso! Calle Honduras 4845.

Foto: BH Dicas

Gato Store – Falência declarada! Rs. A lojinha mais linda com produtos cheios de design, e pode ter certeza que você vai ter vontade de comprar tudo, ou quase tudo – Calle Armenia 1578.

Foto: BH Dicas

Nesses dois dias que falei acima nossos programas a noite foram:

Camping Bar: Em um complexo de bares no terraço do Buenos Aires design, local onde ficam outros diversos bares e até um Hard Rock Café, para os que gostam, vale a pena. Mas o camping é uma delícia, um biergarten com  música boa, uma carta de cervejas pequena e boa, e a acho ideal para um pôr do sol emendando com a noite.  Av. Pueyrredón 2501 – Preço: $-$$

Foto: BH Dicas

No outro dia fomos a outros dois na mesma noite:

Uptow

#temqueir ! Ótimos drinks, os melhores que tomei em Buenos Aires, uma decoração incrível!

Foto: BH Dicas

As comidas são hamburguers e hot dog, bem americano e nada de mais. Você entra como se estivesse descendo para uma estação de metrô de NYC, e realmente ficou muito bem representado, passa por um vagão de metrô e de lá abrem-se as portas para o bar. Divertido, e aos poucos vai se transformando em uma baladinha. Super recomendo!  – Calle Arévalo 2030 – Preço $$-$$$

Foto: BH Dicas | Gustavo Bueno, Hugo Sasdelli, Aline Trindade e Virgínia (eu)

Franks Bar

A proposta é legal, para entrar você precisa de uma senha que tem que adivinhar através das pistas que eles soltam semanalmente no facebook ou twitter. Com a senha você tem o acesso e passa por uma cabine telefônica que destrava a porta do bar. O bar tem bons drinks, não comi nada para poder recomendar, estava cheio, têm música ambiente boa, mas confesso que a expectativa era um pouco maior. Não espere muita animação… Calle Arévalo 1443 – Preço $$$$

Foto: BH Dicas | marido falando a senha

Caminito:

No quinto dia em Buenos Aires saindo de Palermo e fomos para o Caminito. É bem bonitinho de fato, fica em La Boca, que não é um bairro seguro. Por tanto atenção redobrada com seus pertences e repassando o alerta de todos os locais, não fique no bairro após as 16:00 hrs. Por lá, alguns restaurantes, casinhas coloridas e um tango nada glamourizado, mas legal… um passeio legal e tradicional para quem visita Buenos Aires. Não vá tarde, se possível combine o transporte da volta. Não consegue chamar Uber e fica uma fila enorme para o táxi por volta das 16:00.

Foto: BH Dicas

San Telmo: 

Em nosso sexto dia fomos para San Telmo, visitar a feirinha de Antiguidades, tomamos café da manhã lá mesmo no Plaza Dorrego, que fica na praça de mesmo nome. É bem antigo e vale a experiência.

Foto: BH Dicas

O café não é nada de outro mundo.. o chocolate quente nem é tão bom, mas para conhecer o lugar e passar um tempo ali, vale a pena.

Passeamos pela feirinha, que tem muitas coisas interessantes, mais para ver do que para comprar… depois seguimos caminhando de lá para o mercado de San Telmo. Lá fomos petiscando tanta coisa que nem deu vontade de almoçar, ficamos lá tranquilos, bebendo e jogando conversa fora. Eu e o Hugo adoramos mercados, e acho queatravés deles, você conhece muito da cultura local:  Calle Carlos Calvo 495.

Foto: BH Dicas

Réveillon:

No nosso sétimo e último dia em Buenos Aires era Reveillon, fomos até o FAENA no intuito de tomar o brunch do domingo, que dizem ser espetacular. Mas pelo fato de ser dia 31 o brunch iria acontecer no dia 1º então vai ficar para a próxima ida a Buenos Aires, mas foi super bem recomendado então quem estiver programando de ir acho que super vale a pena. O Hotel é lindo e o restaurante El Mercado têm um terraço maravilhoso! Acho um ótimo programa.

Foto: BH Dicas

Na noite de réveillon fomos para o Puerto Madero ver os fogos, não estávamos com muita expectativa, então achamos lindo, nos surpreendeu positivamente! Os restaurantes cobram verdadeiras fortunas na data, não achamos que valeria à pena, jantamos antes perto do hotel, compramos bebidas por lá, e após os fogos retornamos para nosso hotel, memso. Os argentinos não têm o perfil de grandes festas no réveillon, acontecem algumas baladas em hóteis, boites e restaurantes, mas que estavam um pouco fora de nosso perfil.

No dia 1 de janeiro, pela manhã fizemos o checkout e embarcamos de Buquebus para Colônia Del Sacramento no Uruguay, que jajá conto para vocês, em um próximo post.

Foto: BH Dicas

Espero que aproveitem muito a viagem !!!

Se você já foi, me conta aqui o que mais gostou??? Quem sabe ajuda outras pessoas também, né?

Até!!!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments