BH DICAS

Relacionamentos abusivos: saiba onde procurar ajuda!

  • por em 25 de novembro de 2021

Dia internacional da não violência contra a mulher. Informação, rede de apoio e acolhimento. Você não está sozinha!

BH

Foto: divulgação netflix / Série Maid

Ei gente, tudo bem aí? Esses dias estava gravando o Prestenção e fiquei conhecendo alguns projetos muito interessantes. O “Não era amor” e a “Nós, seguras!”, que tem como propósito protagonizar soluções para um grande desafio social: relacionamentos abusivos. Quero muito te contar mais!!! Hoje é o Dia internacional da Luta pelo fim da violência contra as mulheres. Prevenção, apoio e cuidado salva vida!

“Não era amor”

Com o objetivo de ver mulheres fazendo histórias e não virando histórias, o projeto atua na proteção contra relacionamentos abusivos, levando informação e conscientização para mulheres que ainda não passaram por isso, capacitando profissionais para tratarem RA’s com a metodologia exclusiva e especializada; e, por meio das psicoterapeutas, colaboram para a diminuição do número de feminicídios no Brasil atendendo vítimas de RA’s. Hoje a partir das 18:30 acontece um encontro na Savassi com muita informação e debate sobre relacionamentos abusivos. Os ingressos estão esgotados, mas você pode tentar contato pelo e-mail contato@naoeramor.com.br.

“Nós, seguras!”

É um coletivo juridico feminista que oferece atendimento gratuito a mulheres que precisam de orientação jurídica sobre divorcio, pensão alimentícia, quer saber se a situação que esta passando é ou não um abuso. Existe um formulário a ser preenchido para o atendimento das advogadas. O próprio instagram delas é bastante esclarecedor, com muitas informações e vale a pena acompanhar! https://www.instagram.com/nosseguras/ 

Série Maid

Quero indicar uma série que estou assistindo e achando muito necessária. Maid conta a história de uma mulher que sofre relacionamento abusivo. Não fica restrito a relação apenas com o marido, mas também as outras relações, no entanto a temática principal é o casamento e a violência psicológica que sofre com o conjuge. Está disponível na Netflix. 

Casa de Direitos Humanos

Conheça a Rede Estadual de Enfrentamento à Violência contra a Mulher em Minas Gerais que desenvolve, desde 2006, ações articuladas em Belo Horizonte, na Região Metropolitana e em outros municípios do Estado de Minas com o objetivo de juntar esforços para a efetivação das políticas públicas, trabalhando na perspectiva de que as soluções dos casos sejam rápidas, eficazes e transformadoras. E que assim se enfrente a impunidade com a responsabilização e a punição dos agressores.  (31) 3270-3618 / 3619 

Centro de Referência especializado

Prevê atendimento gratuito de mulheres em situação de violência e no fomento de metodologias, formação e construção de redes de atenção às mulheres em situação de violência para outros Centros de Referência e diversos equipamentos de políticas públicas do estado.

https://www.mg.gov.br/servico/atender-mulheres-em-situacao-de-violencia-domestica-e-familiar-baseada-no-genero

Procure ajuda. Você não está sozinha.

Um Beijo.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments