Fica a dica

Complexa Cidade no Museu Abílio Barreto

Quem acompanhou as últimas semanas o instagram do BH Dicas, viu que fiz um tour pelos restaurantes participantes do Circuito Stellla, que está com uma programação dedicada a nossa gastronomia mineira. Dentre os restaurantes visitados, fui até o Caravela. Um restaurante que adoro, no meu Museu Abílio Barreto, meu preferido de Belo Horizonte. Aproveitei para visitar a exposição!

Museu Abílio Barreto

Tem alguns pontos da cidade em que eu recorro fortemente quando a angústia bate por aqui. O Museu Abílio Barreto é um dos lugares que sempre que vou me sinto muito bem. É como se fosse um templo, seu jardim é calmo, a casa silenciosa, o clima gostoso. O Museu é dedicado à história, à pesquisa, à produção e à difusão do conhecimento sobre Belo Horizonte. Fico imaginando como era a vida quando não tinha nada em volta…

O casarão secular era sede da antiga Fazenda do Leitão, construído em 1883. Foi inaugurado em dezembro de 1998 como um palco ao ar livre da cultura, jardins concebidos como local de educação e lazer, tudo lá é história. Tem o acervo do Museu e as exposições temporárias. Fui visitar, tô te contando aqui, mas os detalhes você saberá em breve em um episódio do Tanto de Trem Podcast sobre!

Exposição Complexa Cidade no MHAB
Exposição Complexa Cidade no MHAB
Exposição Complexa Cidade no MHAB
Exposição Complexa Cidade no MHAB

Complexa Cidade

Essa é de longa duração. A mostra foi concebida diante do desafio de abordar aspectos da cidade em uma residência, tanto que, foi montada no Casarão, ele mesmo um acervo importante a ser incorporado à narrativa expositiva. Ao longo do percurso, dois circuitos de visitação simultâneos e complementares articulam a casa e a rua, como dimensões privada e pública da cidade, em suas complexas relações de oposição e reciprocidade. Por meio de objetos, vestígios arqueológicos, mapas, fotografias, pinturas e representações literárias, a exposição propõe ao visitante uma reflexão acerca do Casarão e das múltiplas maneiras de se ocupar a cidade.

Gráfico Grafia

Destacando o acervo do Museu de Arte da Pampulha e sua missão de fomentar a produção artística contemporânea, a exposição apresenta uma seleção de obras gráficas do museu, ao lado de importantes itens do Museu Histórico Abílio Barreto e de produções de artistas convidados. Em seu conjunto, a exposição irradia grafismos compostos com recursos das artes visuais e do design, e propõe uma reflexão acerca das linguagens e manifestações gráficas contemporâneas e suas influências no tecido urbano e social de Belo Horizonte.

Gráfico Grafia no MHAB

Vá!!! Você pode retirar o ingresso para garantir a vaga, mas saiba que se não estiver com a capacidade máxima, eles não exigem o ingresso. Visite também virtualmente!!!

Um beijo!

bhdicas

Ver Comentários

  • Desde criança vou só museu,hoje tenho 58 anos,estive lá há duas semanas e fiquei bobo de não ver, lá tinha um acervo de camas,quadros moedas,maquete antiga da cidade,para minha tristeza não tem mais nada,sumiu tudo,onde está o museu Abílio Barreto?!?

Posts Recentes

Tudo Novo de Novo?

Vamos nos jogar, onde já caímos? O que está ao nosso alcance para tentar evitar os…

11 de janeiro de 2022

Gastronomia de BH no podcast sobre a cidade

Episódio especial do Tanto de Trem, sobre a nova gastronomia de Belo Horizonte tem como…

16 de dezembro de 2021

Então é Natal e a Praça da Liberdade tá linda!

Até dia 26 de dezembro você pode aproveitar o passeio na Praça da Liberdade para…

15 de dezembro de 2021

Thank you for trying AMP!

We have no ad to show to you!